Graphic Novel,

Opinião Young-Adult: "Anya's Ghost" de Vera Brosgol

setembro 17, 2015 Mafi 1 Comments





Anya's Ghost
"Anya's Ghost" era um livro que eu já tinha debaixo de olho há uns bons 3 anos mas que só agora tive oportunidade de o ler. Cada vez mais gosto de arriscar nas minhas leituras mas dentro dos meus horizontes e dos géneros que aprecio. Talvez algum dia saia completamente da minha zona de conforto mas por agora prefiro ler livros que sei que vou gostar.


"Anya's Ghost" mistura uma arte fofa a uma estória básica mas que ainda assim consegue-se espremer algum sumo. O facto de ser um graphic-novel proporciona uma leitura muito rápida, lendo-se numa assentada.

Anya é uma adolescente nascida na Rússia que vive actualmente na América. O seu maior objectivo é poder integrar-se a 100% no seu liceu americano, coisa que não acontece. Quando nada podia correr pior do que a sua popularidade na escola, cai dentro de um buraco e encontra um fantasma. 


Confesso que o livro até foi imprevisível, apanhou-me totalmente de surpresa em algumas partes mas houve outras que não gostei. Na sua maioria as cenas transitavam bem de página para página, mas houve 2 ou 3 vezes em que as cenas desenrolavam-se até ao virarmos a próxima página e já era outra coisa totalmente diferente, dando até a sensação que faltavam páginas. Não gostei de como algumas partes terminaram abruptamente.
O final também ficou muito em aberto, acho que a autora não sabia bem como encerrar o livro, e nota-se que a estória deixa algumas pontas soltas que ficaram por atar.

Sendo uma graphic-novel, um dos pontos mais importantes, talvez até mais que a estória, é a arte. Posso dizer que adorei o traço de Vera Brosgol, adorei a paleta de cores utilizada, tudo a preto e branco com alguns toques de cinzento em várias escalas. Neste aspecto não tenho nada a apontar.

Só achei mesmo que a execução acabou por falhar um pouco, a autora até passa a mensagem que não devemos esconder as nossas raízes e tudo mais, mas a estória da Emily podia ter sido muito mais explorada, a relação com a Anya podia ter sido mais desenvolvida, e quando a autora parecia ir por um caminho até mais macabro, acabou por não durar muito porque já era altura de acabar o livro. 
Ainda assim, eu adorei a personalidade da Anya, ri-me imenso com o seu humor irónico e sarcástico e sim Anya, eu compreendo-te, eu também não gostava da prova do Beep nas aulas de Educação Física. 





Para quem quer uma leitura bem descontraída e pouco exigente, este livro é o ideal, até mesmo para quem quer começar a ler em inglês, com a ajuda das imagens, "Anya's Ghost" é um óptimo incentivo. 

A vida de Anya muda quando ela cai num buraco no meio da floresta e encontra o fantasma de uma rapariga morta há muito tempo, Emily.  Quando Emily consegue seguir Anya até em casa, procura maneiras de ser útil e convencer Anya a deixá-la ficar. E Anya começa a desfrutar dos benefícios de uma amiga invisível, que pode ajudá-la a viver num mundo às vezes complicado de uma escola secundária. Naturalmente, os problemas não tardam a surgir. E, como dá para adivinhar, o resultado dessa amizade pode causar situações desastrosas e até mesmo assustadoras. 

1 comentário:

  1. Já li muitas resenhas desse livro e acho uma fofura. Acho que tal como dizes é uma boa ideia para ler em inglês.

    ResponderEliminar

Dar feedback a um post sabe melhor que morangos com natas e topping de chocolate!