ASA/1001 Mundos,

Primeiras Impressões: "Procuro-te" de Lesley Pearse

setembro 26, 2016 Inês Santos 4 Comments



Uma versão mais pequena que afinal é repetida. É o que dá a febre dos livros.
É muito mais leve que a versão maior mas o autocolante não sai o que é mau se eu quiser oferecer o livro a alguém.
Daisy tem apenas vinte e cinco anos quando a mãe morre nos seus braços. Embora saiba há muito que foi adoptada, sempre se sentiu amada pelos pais e pelos irmãos. Para Daisy, aquela é a sua família. Todavia, o luto vai abalar o equilíbrio doméstico e revelar rivalidades encobertas. A serenidade dá lugar à devastação, e a jovem sente que é a altura certa para partir em busca das suas raízes e confrontar-se com o passado.
Na ânsia por saber mais sobre Ellen, a sua mãe biológica, e à medida que vai desvendando a história da família, Daisy descobre as duras verdades por detrás do seu nascimento. Dotada de uma inabalável determinação, Ellen sobrevivera a uma infância traumática: a morte da sua própria mãe estava envolta numa aura de mistério e os maus-tratos de que fora vítima às mãos da madrasta haviam-na marcado irremediavelmente. O destino quis que a sua coragem fosse constantemente posta à prova. O tempo encarregou-se de apagar o rumo dos seus passos.
Mas Daisy não desistirá de a encontrar, nem que para tal tenha de renunciar ao amor da sua vida.

4 comentários:

  1. Foi o primeiro livro que li de Lesley Pearse. Gostei da historia, mas não me prendeu tanto como outros. Fiquei mais fã quando li "Nunca me esqueças" :D

    ResponderEliminar
  2. Este foi o primeiro livro (e único) que li da Lesley Pearse e apesar de não me sentir assim muito presa à história, há um plot twist que meu Deus!!! Ficou-me na memória por isso :)

    ResponderEliminar
  3. Dos seis livros que já li da autora este foi aquele que gostei menos, para mim o "Nunca me esqueças" é o melhor até agora.

    ResponderEliminar

Dar feedback a um post sabe melhor que morangos com natas e topping de chocolate!