28 de janeiro de 2014

Opinião Contemporânea: "Tenho o teu núm3ro" de Sophie Kinsella


Isto é o que aconteceu quando se escreve a opinião passado uma semana de termos acabado o livro... :(
Não há muito a dizer sobre ele. 

Antes de começar a opinião, tenho de dizer que sou suspeita em falar bem desta autora. É o 10º livro que leio dela e é uma das minhas autoras favoritas no género que escreve, chick-lit. Bem, também é a única autora que leio deste género, mas do que li é a minha favorita. Tem um sentido de humor com que me identifico e neste livro não foi diferente, apesar de, devido ao meu estado de espírito, não ter adorado como alguns livros anteriores, mas gostei do livro!

Tenho o Teu NúmeroPara quem já é fã como eu, já sabe o que espera. Não foi surpresa as mil e uma trapalhadas em que a protagonista Poppy se meteu. Eu já previa isso e realmente foi isso que aconteceu. As personagens principais que Sophie Kinsella caracterizam são sempre todas iguais, apenas mudam os nomes. São todas trapalhonas, divertidas e muito muito mas mesmo muito curiosas! E isso é meio caminho andado para divertir o leitor. É realmente um ponto positivo nas leituras desta autora e mais uma vez consegui arrancar boas gargalhadas com as aventuras da Poppy. O único defeito com a Poppy é que eu já vi esta personagem imensas vezes: em 6 livros da série Louca por Compras e na "Fada do Lar". A Poppy não se distingue das outras protagonistas criadas pela autora, e embora seja uma personagem que divirta não lhe encontrei características inovadoras.

Achei o livro longo demais sinceramente e teve ali algumas partes que eram dispensáveis e que não me provocaram risos com muita pena minha. Sempre gostei mais dos assuntos da vida de Sam que se complicavam por causa da Poppy do que a estória do casamento, que enjoou a meio do livro para além de se tornar um pouco previsível. A química entre a Poppy e o Sam foi bem mostrada mas no geral não gostei do pouco romance que nos deu entre os dois e aquele final foi de insatisfação. Ficou um sabor agridoce na boa porque nem tivemos uma visão do seu final feliz, a autora deu-nos uma gota do oceano, como se costuma dizer.

Não é o meu livro favorito apesar de o ter lido sem parar mas por mais partes divertidas que tenha, teve outras que simplesmente não me convenceram e que se outrora acharia engraçadas, agora achei-as um pouco ridículas. Por isso leva apenas 3 estrelas.

Sinopse
Dez dias antes do casamento, Poppy perde o anel de noivado. Desesperada, Poppy começa a telefonar a toda a gente para pedir ajuda e alguém lhe arranca o telemóvel da mão! Também o roubaram! Como irão agora avisá-la se encontrarem o anel? E, imediatamente, Poppy vê um telemóvel num caixote do lixo, um telemóvel abandonado de que ela precisa urgentemente. Poppy dá o seu novo número a todos os amigos e também atende as chamadas recebidas e lê as mensagens endereçadas à anterior proprietária, a secretária (que acaba de se demitir) de Sam Roxton, um empresário importante. Enquanto continua à procura do anel, Poppy mantem-se em contacto com Sam Roxton, o novo proprietário do telefone. Sam vai deixá-la ficar com o aparelho, desde que ela lhe reencaminhe todas as mensagens que receber, mas às vezes Poppy responde por Sam em assuntos profissionais e também pessoais. Não se contém. Sam também começa a opinar sobre a vida de Poppy, o seu casamento, sobre os sogros e até sobre o noivo, que talvez, não seja tão maravilhoso como ela pensava.

I've Got Your Number
 Título Original: I've got your number
Edição: Janeiro 2014
ISBN: 9789897260988






8 comentários:

  1. Oi Mi!
    Bom, não são raras as vezes em que nos deparamos com personagens similares a tantos outros na literatura. Isso acontece demais, principalmente quando lemos muitos livros num mesmo gênero ou de um mesmo ator.
    Esse gênero de leitura, quase nunca me agrada. Não sou muito de romance. Gosto de livros mais, digamos assim, conturbados.
    Parabéns pela resenha!
    Um beijo ;*

    Juliana . Oliveira
    http://trocandoconceitos.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu adoro romance e adoro esta autora mas achei este fraco. Tmb gosto de livros conturbados...às vezes!

      beijoo*

      Eliminar
  2. Nunca li nada desta autora e já que leste tantos dela, quais é que aconselhas?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Todos de Louca por Compras ou a Fada do Lar.

      Eliminar
  3. Hm estou a ver que para começar com algo desta autora, este livro é capaz de não ser a melhor opção. Mas gostei da tua review :)

    ResponderEliminar
  4. O final foi um pouco abrupto mas gostei, Aiiii o Sam foi tão fofo com aqueles SMS que me esqueci de respirar xD Foi o primeiro livro que li da autora e gostei bastante. A tradução é que podia estar melhorzinha e sim, podíamos ter mais Sam&Poppy como casal :P

    ResponderEliminar
  5. Ai eu adorei mesmo, tenho pena que não tenhas gostado tanto.. é que achei este livro irresistível e tão divertido! Gostei mais deste do que A Fada do Lar, por exemplo.. mas pronto, ao menos não achaste uma seca do início ao fim! :P

    ResponderEliminar

Dar feedback a um post sabe melhor que morangos com natas e topping de chocolate!