7 de novembro de 2013

Opinião Erótica: "S.E.C.R.E.T Partilhado" de L. Marie Adeline



Ao entrarmos nesta sociedade feminina secreta deixamos os juízos morais de lado, não há limites para as fantasias eróticas e a vergonha é algo que se não conhece por aqui. 

S.E.C.R.E.T, o 1º livro apresentou-nos uma premissa fresca num género que começa a ser enjoativo. Eu gostei bastante da ideia original do livro e apesar do fim me ter sabido a muito pouco foi com bastantes expectativas que parti para esta leitura do 2º livro - S.E.C.R.E.T - Partilhado.

S.E.C.R.E.T Partilhado (Secret, #2)Depois de ter o seu coração destroçado por Will, Cassie resolve aceitar o desafio e seguir a sua missão na S.E.C.R.E.T como guia. É aqui que entra a segunda estória da narrativa que nos vai ser contada paralelamente com a de Cassie. Dauphine é aquilo que Cassie era no 1º livro: com pouca auto-estima e confiança em si mesma. Confesso que não gostei nada da introdução e da presença desta personagem, sinceramente acho que só serviu para encher o livro com mais alguma coisa, pois Dauphine só-se adequou aqui, mesmo elevar o estatuto de Cassie na organização. Não é propriamente uma personagem que nos marca, e a sua estória acaba a pouco mais de meio do livro e de uma maneira que sabe tão a pouco que fiquei muito decepcionada com o rumo que a autora deu a esta figura, quer dizer não faz sentido a Cassie não ter o seu final feliz em dois livros mas a Dauphine têm-o em meia dúzia de capítulos. Para mim nem valia a pena introduzir esta estória, é facilmente esquecível e acrescenta pouco à trilogia em si. O facto de também haver dois pontos de vista e principalmente duas protagonistas, implica muito mais cenas de sexo, acho que a autora perdeu completamente o balanço entre as duas personagens nas cenas eróticas pois em cada capítulo que era um ponto de vista havia várias descrições e como alternavam entre si, durante umas boas dezenas de páginas o que mais li foi cenas de sexo a dobrar. Achei que podia haver mais coerência entre as cenas de ambas e a trama de cada uma.

Mas nem tudo foi mau, felizmente. Gostei bastante do relato de Cassie neste 2º volume, da continuação da sua vida, agora na SECRET e com um papel mais importante, deu para compreendermos como funcionava a sociedade, por exemplo na escolha dos homens para realizarem as fantasias sexuais como deu também para perceber que ainda não é desta que Cassie fica feliz com Will, o seu amado. Adorei as cenas finais de quando é descoberta a organização, deu um excelente suspense ao enredo e mesmo tento gostado menos deste livro fiquei interessada para saber como se vai desenrolar tudo no 3º livro. Por acaso fiquei surpreendida com o rumo que a estória tomou, não estava nada à espera da revelação do papel de Cassie e da SECRET às outras personagens e a autora calculou bem este twist. 

Como disse no "Primeiras Impressões" gostava que a tradução não fosse tão porca e os termos utilizados não tão vulgares, mas também não sei como é o original e a verdade é que não temos muita escolha para dar nome às coisas e de resto não tenho mais nada a apontar na tradução.

O 3º livro ainda nem está publicado em português portanto prevejo uma longa espera até ao próximo. Para quem gosta deste género e já fica saturado da mesma fórmula, aconselho a leitura do 1º livro pois foge do estereotótipo de 90% dos livros eróticos e este apesar de inferior também perfaz uma leitura aprazível.
Sinopse em A Sair do Forno

Secret Shared (Secret, #2)Título Original - Secret Shared
Edição - Outubro 2013
ISBN - 9789896574529









Outros livros da autora:

«S.E.C.R.E.T.», um clube secreto que ajuda mulheres a realizar as suas fantasias sexuais

Sem comentários:

Enviar um comentário

Dar feedback a um post sabe melhor que morangos com natas e topping de chocolate!