2 de setembro de 2013

Opinião Erótica: "O Olhar do Amor" de Bella Andre



Eu não compreendo algumas editoras e a sua publicidade enganosa, juro que não compreendo. Livros que não são eróticos, são românticos sensuais, pintam-nos como sendo eróticos e quando estes são mais apimentados enganam-nos e faz-nos pensar que são romances mais leves! É o que acontece com o "O olhar do amor" e não digo isto pela sinopse suave do livro mas também capa muito fraquinha (apesar de ter tudo a ver com o livro e ponto positivo para isso) e que não mostra de modo algum o verdadeiro conteúdo do livro.

O Olhar do AmorApesar de ter detestado, o-conto-transformado-em-livro,o "Sedução" resolvi dar uma nova hipótese a esta autora tão popular nos EUA. Lá está, porque tudo apontava para um romance daqueles à la Nora Roberts de mil novecentos e troca o passo, daqueles mais fraquinhos mas que até são engraçados de ler. O que é que eu encontrei? Um livro carregado de cenas de sexo. Por amor da santa! 

O primeiro livro de uma série que conta já com dez livros (presumo que todos muito semelhantes a este) "O Olhar do amor" começa uma saga familiar de oito irmãos, os Sullivan. Cheio de clichés já muito vistos, temos a história de amor entre Chase, o fotógrafo da família e Chloe, uma mulher que após um divórcio conturbado procura um refúgio onde possa fugir do ex-marido. Já presumia que de conteúdo o livro não tivesse muito, à semelhança do livro anterior, este também é parco nas páginas (nem chega a duzentas) mas mesmo assim pensei que houvesse um romance, acho que era isso que a autora pretendia mostrar...uma história de amor. Ou então não e sou eu que não percebo nada disto. 

Do mais previsível que há adivinhei TUDO o que ia acontecer neste livro, credo nem uma coisinha me surpreendeu! Nem as cenas de sexo e posições que fazem, credo! 

É de rir que de um dia para o outro (leia-se em 48 horas) a Chloe já se sinta em casa, já se sinta parte de uma família que ela nunca viu mais gorda! E o mais impressionante é que nem dá muito a entender que está a incomodar, visto que está a comer e a dormir à pala do Marcus, o irmão mais velho da família Sullivan. As personagens são muito pouco aprofundadas, já para não dizer que são perfeitas: ela é linda, ele é lindo, ela tem um corpo fantástico, ele tem um membro, já como dizia o outro bruxo na Sic "firme e hirto"! Não estou a exagerar quando digo que o livro chega a uma certa altura em que é só sexo, até há cenas de submissão (muito ligeira) e de ele amarrá-la. Se as cenas ainda fossem românticas, ainda dava um desconto mas há alguma coisa na escrita de autora, especialmente quando descreve cenas eróticas que não me convence de todo, infelizmente.

Já disse que tudo acontece em 5 dias? Pois, conhecem-se, vão para a cama (várias vezes) e acabam juntos e felizes como se o seu amor tivesse predestinado desde sempre! A personagem que mais gostei apareceu em duas páginas e fez-me rir um bocado, portanto mais um ponto positivo para o livro.

Enfim, foi tudo uma desilusão, estava mesmo à espera de um romance fofinho (como por exemplo "Apaixonada por um milionário") mas o que encontrei foi (mais uma) novela transformada em livro. A sério, já li romances da Harlequin melhores que isto! 



The Look of Love (The Sullivans, #1)Título Original: The look of love
Edição: Setembro 2013
ISBN: 9789896574284






Outro(s) livros da autora:

2 comentários:

  1. Odiei o primeiro... esta opinião só me veio dizer o que desconfiava. Passo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sinceramente acho que não perdes muito =P é mesmo mauzinho=/

      Eliminar

Dar feedback a um post sabe melhor que morangos com natas e topping de chocolate!