Matt Haig,

Opinião Sobrenatural: ''Os Humanos'' de Matt Haig

maio 11, 2018 Mafi 0 Comments

No ano passado li um livro deste autor e embora não tenha ficado fã, a capa deste novo livro juntamente com a sinopse intrigante, deixaram-me curiosa em dar outra oportunidade a Matt Haig.

39715980A premissa do livro é interessante: tal como achamos que tudo o que não seja de raça humana ou animal é um alien, os povos de outros planetas também pensam o mesmo de nós. Aqui temos a visita de um E.T que chegou à terra na forma de um professor, Andrew Martin. Foi-lhe incumbido um plano e o seu desejo é cumpri-lo ao máximo e voltar para o seu planeta o mais depressa possível. O problema é quando Andrew começa a criar laços de afecto e relações com outros humanos e começa a questionar a sua missão no planeta Terra. 

''Os Humanos'' foi uma óptima surpresa. Primeiro por todo o seu ambiente e devido muito aos pensamentos e comportamentos do protagonista. Andrew Martin não entende os humanos. Não entende como conseguimos andar vestidos, o que comemos, os nossos passatempos. Sente-se repugnado por tudo o que fazemos e acha a raça humana inferior. Ele vem à Terra com um plano mas esse plano não nós é logo dito, embora o leitor deduza que seja algo como dizimar os humanos. 
O choque de Andrew com a nossa comunidade é bastante engraçado e sério ao mesmo tempo. O autor foi inteligente em tocar em vários aspectos da nossa sociedade e em fazer um crítica. Algumas críticas são mais claras (como uma sátira), outras lêem-se nas entrelinhas mas tudo ajudou a simpatizar mais com Andrew. A relação deste com a família também é interessante, especialmente mais para o fim, quando Andrew começa a ter consciência das suas atitudes e dos seus sentimentos. 

É um livro que não se pode falar mais do que isto, porque é tão imprevisível que se contar mais, estraga a leitura. Posso dizer que gostei mais deste do que o anterior e que mesmo que não gostem deste género de livros, se apreciam livros com um toque sério mas também de humor, este livro é ideal para vocês. 


E se a terra fosse o planeta mais absurdo do universo?
O professor Andrew Martin, génio matemático, acaba de descobrir a chave para os maiores mistérios do Universo. Ninguém sabe do salto que isto representará para a Humanidade? exceto seres evoluídos de outro planeta.
Determinados a impedir que esta revelação caia nas mãos de uma espécie tão primitiva quanto os humanos, estes seres enviam um emissário para destruir as provas. E é assim que um alien intruso, completamente alheio aos costumes, chega à Terra. Rapidamente, ele descobre que os humanos são horrendos e têm hábitos ridículos ? comida dentro de embalagens, corpos dentro de roupas e indiferença por trás de sorrisos? Esta espécie não faz sentido!
Durante a sua missão, sob a pele e identidade de Andrew Martin, este alien sente-se perdido e odeia todos os terráqueos. Exceto, talvez, Newton, um cão. Contudo, quanto mais se envolve com os que o rodeiam mais fica a perceber de amor, perda, família; e de repente está contagiado: será que afinal há qualquer coisa de extraordinário na imperfeição humana?

 

0 comentários:

Dar feedback a um post sabe melhor que morangos com natas e topping de chocolate!