Galera Record,

Opinião Young-Adult: "Sempre teremos o verão" de Jenny Han

dezembro 03, 2013 Mafi 0 Comments


Livro não publicado em Portugal. Edição do Brasil.

Este terceiro livro da trilogia acabou por ser o melhor de todos, ou pelo menos aquele que me deu mais vontade de ler. 

No primeiro livro tivemos Belly e Conrad como um casal, no segundo a moça decidiu que afinal gostava mais do irmão deste, Jeremiah. No terceiro livro ficamos a saber com quem ela fica realmente e sinceramente tanto com um ou com o outro Isabella estava bem entregue, apesar de não ser merecedora de nenhum dos dois, in my opinion.

"Sempre teremos o verão" começa com uma bomba: Jeremiah pede Belly em casamento!! Ao princípio fiquei: "what the f*ck? olha estes dois agora armados em adultos!" sim, porque a Belly é a personagem mais imatura de sempre, não aparentando ter 19 anos. Mas surpresa das surpresas ela aceita porque o ama muito e não consegue esperar até ter 30 anos e agora que já está na faculdade é óbvio que a altura ideal e mais perfeita para casar é agora neste momento, sem pensar no amanhã, claro! Porque todas as raparigas adolescentes querem casar com esta idade.
As páginas seguintes são as habituais recomendações e avisos dos pais, de Steven e de Conrad que tentam de tudo para que este enlace não se concretize. Mas nem assim eles conseguem convencer os dois jovens a anularem o casamento que acaba por não se concretizar porque na véspera Belly descobre que afinal o amor infinito que sentia por Jeremiah também se aplica ao seu irmão. Really? E pronto já não há casório para ninguém, Belly gosta dos dois irmãos e por ela até era um casamento a três, mas claro que irmão que é irmão não partilha a sua dama com ninguém, ora essa! Num confronto entre os dois, temos direito a declarações como: "you're dead to me!"  Ouch isso não se diz assim da boca para fora a um irmão de sangue, ainda por cima por causa da Belly! Mas eu compreendo as hormonas estão aos saltos e o rapaz viu a sua noite de núpcias arruinada pelo próprio irmão, ninguém merece isso. 

Ao fim de isto tudo pensei: "olha querem ver que afinal a moça ficou sem nenhum?!" Mas não, era injusto e assim no epílogo vemos que a Belly fez a escolha certa, escolheu o seu primeiro amor.

Não é uma trilogia que me faça ter saudades, a autora ainda é muito verde tanto na escrita como na construção de enredos e personagens, sendo tudo muito cliché, mas pronto são livros leves, muito fáceis de ler, ideais para o verão. Quero ler a outra trilogia dela mas não é prioridade.

Sinopse:
Já se passaram dois anos desde que Conrad disse Belly ficar com Jeremiah. Ela e Jeremiah têm sido inseparáveis desde então, até mesmo participando da mesma faculdade – só, o relacionamento não foi exatamente o felizes para sempre que Belly esperava que fosse E quando Jeremiah faz o pior erro que um garoto pode fazer, Belly é forçada a questionar o que ela achava que era amor verdadeiro. Será que ela realmente tem um futuro com Jeremiah? Ela já superou Conrad? É hora de Belly decidir, de uma vez por todas, quem tem seu coração para sempre.

We'll Always Have Summer by Jenny HanTítulo Original: We'll always have summer
Edição: Março de 2014









Outras obras da autora:



0 comentários:

Dar feedback a um post sabe melhor que morangos com natas e topping de chocolate!