10 de setembro de 2013

Opinião Contemporânea: "A Rosa Negra" de Nora Roberts


O segundo volume da trilogia No Jardim revelou-se um pouco estranho. Digamos que sou jovem e estou habituada a romances com pessoas jovens-adultos ou adultos. Neste caso, o casal principal é composto por uma mulher bastante vivida, com os seus 50 anos, já com dois casamentos e três filhos; e um homem também com cinquentas, um filho e um casamento no currículo de vida.
Por um lado, gosto bastante de cada livro representar uma faixa etária, mas por outro é me bastante difícil imaginar aquela pessoa mais velha, mas com corpo quase de jovem!
Este livro também será lembrado pelo seguimento cíclico ou até repetitivo da história, em que os factores que rodam são: vida pessoal, vida profissional, Noiva Harper, romance. Alguns em maior quantidade, o que, infelizmente, não inclui o romance. Apesar de este estar presente foi um pouco apagado pela Noiva Harper e pelo ex-marido, que tiveram muito mais "activos" nesta obra. Na Trilogia Irlandesa, em que também havia uma espírito/fantasma, este aparecia só para dar um empurrãozinho ou para introduzir a história. Nesta trilogia, esta personagem espirita serve apenas para retardar tudo, o que se estranha no primeiro livro, mas aqui já irrita, ainda por cima porque há muito mais dialogo.
Mais uma vez a vertente de jardinagem está muito desenvolvida, o que acabou por me fazer pesquisar os vários nomes desconhecidos das muitas plantas. Infelizmente, este facto não fez com que o meu interesse por estes seres aumentasse.
De qualquer forma, nada disto, que pareceu menos positivo, conseguiu estragar o meu gosto pela escrita, personagens, cenários, etc relacionado com a trilogia. Toda a história flui tão bem que acabamos por ler ainda mais rápido as partes que menos gostamos para depois ler e reler as que gostamos mais. O costume!
Estou bastante empolgada com o terceiro e ultimo volume, pois já conhecemos os sentimentos das personagens, mas estas ainda não se aperceberam.

Da autora de maior destaque da lista de best-sellers do New York Times, chega-nos o segundo romance da trilogia No Jardim. Três mulheres terão de descobrir os segredos do passado que habitam a sua histórica casa... Rosalind Harper é uma mulher capaz de enfrentar qualquer situação. Viúva, com três filhos, resistiu a um segundo casamento desastroso e empreendeu o seu centro de jardinagem No Jardim, copiado da wb, um símbolo de esperança e independência para ela e para as duas amigas que aí trabalham.
Mas Roz enfrenta um novo desafio e conta com a ajuda do dr. Mitchell WB Carnegie, contratado para investigar a identidade da Noiva Harper. Só que a imprevisível aparição parece determinada a destruir a única pessoa que a poderá ajudar a descansar em paz.

86321




Título Original - Black Rose
Edição - 2007
ISBN - 
9789722521932 





1 comentário:

  1. Esta não é das minhas trilogias favoritas da Nora Roberts, mas gostei dela. Boas leituras :)
    Beijinho

    ResponderEliminar

Dar feedback a um post sabe melhor que morangos com natas e topping de chocolate!