1 de junho de 2013

Opinião Contemporânea: "Beijo" de Jill Mansell


Ok, eu sei que li na diagonal, mas onde está a parte em que a Gina afinal descobre que gosta do Doug suficientemente para se casar com ele?
Enfim, este livro custou-me um pouco, mesmo saltando alguns paragrafos. Não sei se foi o inicio que não me cativou minimamente, se foi a relação entre a Gina e a Izzy ou se foi mesmo a atitude patética da Gina... só sei que achei tudo muito murcho ou folclórico demais. Além disso, que raio de cambada de badalhocas. Decididamente, este livro de Jill Mansell não foi nenhum tributo às mulheres. Pelo contrário, fez parece-las todas promiscuas, até a menor de idade!
Desta vez as trocas não funcionaram muito bem, principalmente ao meter a filha da outra com o ex-marido da outra. Muito mau!
O final, foi talvez o melhor. Gostei do momento em que ele (não vou dizer nomes) se dedicou a ela e descobriu que estava grávida. Muito romântico, principalmente porque como a autora deixou mesmo até à ultima página tivemos sempre na expectativa até ao fim.
Agora, o cerne da questão. Será que todo este desamor pelo livro foi pelo estado de espírito, pela pouca vontade de o ler por causa da muita vontade de ler outros, ou por o pós-entrevista com a autora em questão a ter diminuido a 100% nas minhas expectativas? Um pouco de tudo talvez.
Enfim, livros de Jill Mansell por ler é o que não falta, por isso veremos que se volto a ficar fã desta escritora e das suas obras.

Sinopse no Doce do Momento.

Kiss 


Título Original - Kiss
Edição - Fevereiro 2013
ISBN - 9789897100468





2 comentários:

  1. Olá Inês!
    De que pós-entrevista estás a falar? Pode-se ler em algum lado? É que fiquei curiosa quando a mencionaste...
    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá: aqui está a entrevista:

      http://lerporgostonaocansa.wordpress.com/2012/11/03/conhecendo-mais-um-pouco-jill-mansell/

      Eliminar

Dar feedback a um post sabe melhor que morangos com natas e topping de chocolate!