11 de março de 2013

Opinião Contemporânea: "Levado Pelo Mar" de Nora Roberts


À primeira leitura de tal afirmação tenho de concordar com tudo, excepto com o suspense, mas após relembrar e até reviver todas as cenas, não posso negar a espantosa capacidade de Nora Roberts em nos manter envolvidos tanto na história de amor principal, como no mistério que serve como pano de fundo e ingrediente para nos agarrar ao livro.
Neste volume a escritora abre-nos um leque de informação acerca da pesca tanto de peixe como de caranguejo, construção de barcos, o que contribui para enriquecer ainda mais o texto.
Sou bastante suspeita, pois digo e penso sempre o mesmo de todos os livros desta escritora que admiro tanto, mas a cada livro que leio nenhum destes aspectos diminui.
Neste livro, confesso que não me consegui identificar com a personagem feminina Anna, nem a personagem masculina me conseguiu conquistar completamente. Os pontos negativos que encontrei foram apenas as discussões demasiado tempestivas para a razão que as despoletou.
Mas os diálogos intrigantes, sempre com algo nas entre-linhas,  as descrições tão realistas e fantásticas, o drama envolvente, a sedução patente tanto em palavras como actos, a amizade enraizada e a intimidade presentes, não me deixaram largar o livro por menos de uma hora de cada vez. Concluindo, mais uma vez foi ler sofregamente até à ultima página, e no final salivar pela continuação.
Como n'As Joias do Sol, ou n'Um Sonho de Amor, Levado Pelo Mar tem aquele toque e magia do primeiro livro de uma série que tanto o torna insuficiente para os nossos gostos como para a nossa sede de leitura.

Depois de reler tanto a obra como a opinião (de 26/08/2012) tenho que concordar... com quase tudo. Nesta segunda leitura consegui uma maior empatia e aproximação com as personagens, principalmente Anna. Também consegui visualizar melhor Seth e todo o seu passado, tal como consegui sentir mais curiosidade em relação a Ethan e Grace.
Como li o livro mais de um ano depois não tenho aquela sensação de ter encontrado coisas que me falharam da primeira vez, mas pelo menos posso apontar estas ligações, o que mostram que é sempre positivo reler livros de Nora Roberts.

Levado pelo Mar conta a história de três irmãos, Cameron, Ethan e Philip, antigos jovens delinquentes adoptados por Raymond e Stella Quinn. Os irmãos são tão diferentes uns dos outros quanto é possível, mas têm em comum um imenso amor pelo casal que os adoptou e criou. Agora, adultos e por conta própria, têm de voltar à casa da família para honrar o último pedido do pai...
Campeão de corridas de barcos, Cameron Quinn viajou pelo mundo esbanjando as suas vitórias em champanhe e mulheres. Mas quando na hora da morte o pai o chama para cuidar de Seth, um jovem problemático como ele já fora um dia, a sua vida dá uma reviravolta. Depois de anos de independência, Cameron tem de reaprender a viver com os irmãos, enquanto luta para cozinhar, limpar e cuidar de um rapaz complicado.
Antigas rivalidades e novos ressentimentos despertam entre os irmãos, mas tudo terão de fazer para que Seth não saia prejudicado. Pois no final, será uma assistente social que decidirá o destino de Seth e, tão dura quanto bonita, ela tem o poder de unir os Quinn... ou de os separar para sempre.

Sea Swept (Chesapeake Bay Saga, #1)Título Original - Sea Swept
Edição - 2007
ISBN - 9789898032201







Sem comentários:

Enviar um comentário

Dar feedback a um post sabe melhor que morangos com natas e topping de chocolate!