21 de janeiro de 2013

Opinião Contemporânea: "O Último Verão (Meu&Teu)" de Ann Brashares


Este livro é qualquer coisa de muito mau. Lembro-me que foi um dos primeiros livros editados pela Quinta Essência e mais uma vez, com uma capa tão bonita, pensei que seria um romance delicioso de se ler. Oh como fui enganada!

O Último Verão (Meu & Teu)Conta a história de três amigos, as irmãs Riley e Alice e o melhor amigo de ambas, Paul para quem as férias de verão são a coisa mais importante do ano. Todos os anos, a vila de Waterby enche-se de turistas e é sempre nesta altura que as manas regressam à casa dos pais. Apesar do grau de parentesco, Riley e Alice não poderiam ser mais diferentes. A primeira é mais agitada e extrovertida enquanto Alice é tímida e insegura.

 Juntamente com o regresso de Riley e Alice à terra, Paul também chega à pequena vila para passar um último verão. Os três amigos nunca imaginariam que com a chegada de Paul, para além das lembranças de infância e do companheirismo, segredos e mistérios também viriam com ele.

É um livro bastante confuso, pois é contado entre o presente e o passado mas sem qualquer ordem lógica. Ann Brashares desfila pelas quase 300 páginas do livro, um romance muito pouco apelativo com personagens planas que não criam empatia com o leitor. Para além deste aspecto, achei bastante confuso este triângulo não amoroso. A sério, por vezes reviro os olhos com tantos triângulos amorosos que para aí existem e aqui desejava que houvesse um. Era muito mais giro ver duas irmãs atrás de um gajo, do que um casal e a outra a fazer de vela. 

É um romance que nos faz pensar em muitas coisas e uma delas é: porque é que eu estou a perder tempo com isto. 

Em Waterby, Fire Island, os ritmos e os rituais do Verão são os mesmos de sempre: o cerimonial das chegadas e das partidas de ferry; os jantares no clube náutico com vistas de cortar a respiração; o decreto contra o uso de sapatos; e o desfile de miúdos bronzeados e cobertos de areia, que se tornam maiores de idade na praia.
Passada neste cenário cheio de vida, "O Último Verão" é a história encantadora – e comovente – da amizade entre três jovens, para quem o Verão e aquele lugar significam tudo. As irmãs Riley e Alice voltam todos os anos à modesta casa de praia dos pais.
Riley é nadadora-salvadora e uma maria-rapaz, sempre pronta para nadar à noite, velejar com vento forte ou correr pela praia. A bonita Alice é meiga, gosta de ler e de meditar, e venera a irmã mais velha. E, na enorme casa que ofusca a humilde habitação delas, vive Paul, um amigo tão importante para ambas como o próprio local. Depois de alguns anos afastado, Paul volta finalmente à ilha. Mas o seu regresso marca uma estação de tremendas mudanças e, quando uma atracção que ferve em lume brando e um grande segredo colidem, os três amigos são lançados num mundo desconhecido, um mundo em que o seu refúgio de Verão já não os pode proteger.
Com afecto, humor e sabedoria, Brashares faz-nos sentir as alegrias e as torturas do amor. Recorda-nos a força e os espinhos da amizade, a dor da perda e o peso dos laços familiares. Profundo e comovente, "O Último Verão" é uma celebração sentida do Verão e da nostalgia da juventude.

The Last Summer (of You and Me) 


Título Original - The Last Summer of you and me
Edição -  2009
ISBN - 
9789899578845



1 comentário:

  1. A capa é giríssima e depois da tua opinião não me vou deixar enganar pelos olhos!

    ResponderEliminar

Dar feedback a um post sabe melhor que morangos com natas e topping de chocolate!