19 de fevereiro de 2016

Opinião New-Adult: "De Repente" de Nichole Chase



Esta é a mistura perfeita de romance contemporâneo com realeza pelo meio. De Repente, o primeiro de uma trilogia, conquista-nos por todos os lados.
Ainda hoje recordo com carinho esta história cheia de momentos queridos e amorosos.
Não sei se gostei tanto por os romances contemporâneos normalmente não serem assim e, como eu adoro romances históricos, este acaba por ser um, mas mais actual. Temos os príncipes, as rainhas, as princesas, os castelos e os criados. Temos também a parte da cidade e a parte dos media. Temos, portanto, tudo a que temos direito.
Samantha Rousseau é uma mulher com M grande. Inteligente, luta pelo que quer, mas tem um coração de ouro que consegue derreter o nosso e o de todos. É muito simples e terra-a-terra, o que só abona a seu favor. Não vou dizer que é uma guerreira, porque não é, mas consegue não ser submissa e ultrapassar os obstáculos com muito poucas lágrimas. Além disso, tem uma característica, que partilha com o nosso príncipe encantado e que eu adoro: adora animais e luta por eles! Não é fantástico?
Este último ponto serviu para unir o casal protagonista, mas não de forma forçada, pelo menos na minha opinião. A autora conseguiu ser bastante subtil na aproximação destes dois, mas não o foi quando saltaram as primeiras (e seguintes) faíscas. Adorei este casal, porque apesar de serem opostos em termos de vida social e não só, são iguais e muito compatíveis em termos de alma (e eu não acredito nestas coisas). Adorei mesmo! Toda aquela atracção, mas amor proibido, foram muito bem explorados pela escrita e nas poucas páginas que este livro tem, o meu coração esteve sempre a trabalhar bastante e sempre muito apertadinho.
A cena que mais me marcou, e por sinal muito bem descrita e bem escolhida, foi a cena de Sam com os paparazzi. Muito emocionante e revoltante! Fizeram a nossa menina chorar. E Alex foi perfeito! Adorei-o ainda mais.
Como já devem ter percebido, este príncipe faz-nos suspirar do inicio ao fim, e fiquei a considerá-lo muito melhor que o príncipe da Bela Adormecida ou de qualquer outro da Disney. E aqui vem o ponto negativo (já cá faltava!): infelizmente achei esta história muito parecida à dos livros/filmes O Diário da Princesa. Samantha é muito mais madura que o personagem de Anne Hathaway, mas a primeira também descobre que é princesa de um reino pequeno e desconhecido e que a sua mãe afinal não era assim tão pobre. Depois também temos vários príncipes a lutar pela princesa, o que vale é que o mais giro e melhor acaba mesmo por ser isso mesmo.
O final teve que ser relido, porque não sei porquê, esfumou-se da minha memória. Como é que é possível? Ainda por cima um final tão lindo e feliz e mais que perfeito?! Não me perdoo. Só por aquele final agora apetece me ler tudo outra vez!
De qualquer forma, este romance é uma doçura e cheio de piada. Recomendo-o imenso para as mais românticas e que gostem deste género de livro.

SAMANTHA ROUSSEAU é uma garota que está acostumada a sujar as mãos. Ela faz mestrado em biologia da vida selvagem enquanto ajuda a cuidar de seu pai doente. Logo, não tem tempo para fofocas de celebridades, roupas da moda ou férias em algum paraíso do Caribe.Quando a duquesa do pequeno país da Lilaria a convida para jantar, Samantha pensa que é para discutir uma doação para sua pesquisa universitária. Mas a verdade mudará o curso de sua vida de uma maneira que ela nunca sonhou.Alex D’Lynsal, príncipe da Lilaria, já rendeu muitas manchetes escandalosas à imprensa. Mas as últimas fotos divulgadas o levaram a fugir para a América e desistir de vez das mulheres. Isto é, até ele conhecer Samantha! Ela é teimosa, determinada e incrivelmente sexy. Sem mencionar que é herdeira de um Estado inteiro, o que a coloca constantemente na primeira página de qualquer jornal.Enquanto Sam aprende a viver em um mundo de política e riqueza, ela também precisa se esquivar de seus sentimentos crescentes por Alex. Afinal, se entregar a eles significaria mais do que apenas se apaixonar significaria aceitar o peso de uma nação sobre seus ombros.

3 comentários:

  1. este livro está disponivel cá em portugal?

    ResponderEliminar
  2. Já li O Diário da Princesa e não gostei muito, por achar a protagonista muito infantil. Gostei muito mais dos filmes. Mas agora fiquei curiosa para ler este.
    Beijinhos
    www.fofocas-literarias.blogspot.pt

    ResponderEliminar

Dar feedback a um post sabe melhor que morangos com natas e topping de chocolate!