, , , ,

Compilações: ''Leah on the Offbeat''' e ''Second Chance Summer''

novembro 02, 2018 Mafi 0 Comments


Dois livrinhos lidos em Outubro e que gostei bastante! 


Leah on the Offbeat (Creekwood, #2)Depois de ter adorado ''Os altos e baixos do meu coração'' que li em Maio, não demorei muito tempo a ler o mais recente livro a solo da Becky Albertalli. Designado como uma continuação de ''O Coração de Simon contra o Mundo'' temos aqui Leah, a melhor amiga de Simon. Embora seja uma continuação, este livro pode ser perfeitamente lido sozinho mas se vão apanhar spoilers do primeiro livro em relação ao Simon, portanto aconselho a ler por ordem.
Ora bem confesso que ao princípio não estava a gostar muito da Leah. Parecia que ela é que era a vítima de tudo (tanto pela sua aparência física, como pelas dificuldades que tinha em casa) e que todos os outros é que tinham sorte. Felizmente o livro foi evoluindo e comecei a gostar mais dela mas mesmo assim prefiro a Molly. Algo que adorei foi a amizade da Leah com o Simon. Super amorosos e foi mesmo bom ter a presença do Simon no livro, deu para matar saudades desta personagem. Além disso ele não está lá só por estar, tem até algum protagonismo num enredo secundário portanto foi muito bom podermos continuar a acompanhar o percurso do Simon depois do livro anterior. Gostei também da mãe da Leah e do padrasto e fiquei com a sensação que a autora quis mesmo mostrar que às vezes os adultos também têm dificuldades mas que só querem  o melhor para os filhos.
Uma questão importante aqui é a sexualidade da Leah. Ela é bissexual e gostei como a autora tratou do tema já que não é muito comum termos personagens assim. Mesmo assim não me consegui envolver muito com o romance da Leah. Um livro que é fofinho e que passa várias mensagens importantes sobre a amizade e aceitação pessoal. Espero que a Porto Editora publique-o cá em Portugal.



Second Chance SummerOutro livro que também li em Outubro foi o ''Second Chance Summer'' que comprei em Dezembro de 2015 e que disse aqui neste post que o ia ler no verão de 2016. Como podem ver falhei só um pouco esta promessa e foi lido agora no Outono de 2018 :P 
A minha edição tinha quase 500 páginas portanto demorei um pouco a ler este livro mas passado o início foi lido com gosto. 
Aqui temos a estória de Taylor que no dia do seu aniversário recebe a notícia horrível que o seu pai está doente e com pouco tempo de vida. Um dos seus últimos desejos é passar o último verão na antiga casa de férias que têm. 
Taylor não passa férias nesse sítio desde os seus 12 anos e definitivamente nunca pensou em voltar. Até porque a última vez que passou lá o verão, a relação com a sua ex-melhor amiga e com a sua primeira paixão não acabou muito bem. 
Este é um livro tipicamente YA. Com muitos jovens, muitos amores e ''desamores'' e conflitos. Como não é passado em ambiente escolar, mas sim num sítio de férias, é tudo mais leve e não nos faz revirar tanto os olhos. Na verdade o livro não tem personagens irritantes ou pelo menos nenhuma delas irritou-me e até consegue passar algumas mensagens importantes devido à condição do pai da Taylor e as suas ex-relações com Lucy e Henry. Até os irmãos de Taylor têm algum destaque e gostei disso. 
O final emocionou-me. Não chorei mas já meio que esperava. Gostei bastante e estou contente por ter ainda mais 2 livros da autora por ler (que sabe-se lá quando os irei pegar).

0 comentários:

Dar feedback a um post sabe melhor que morangos com natas e topping de chocolate!