21 de junho de 2017

A Sair do Forno: "Princesa das Águas" de Paula Pimenta




A Presença não pára com esta autora nem esta colecção... mais um para Julho.

Arielle é uma nadadora exímia e está prestes a enfrentar o maior desafio da sua vida: participar nos Jogos Olímpicos pela primeira vez. Mas, ao contrário do que parece, ela não tem tudo aquilo que deseja. Por ser a filha mais nova de uma família numerosa, Arielle é muito protegida e, apesar de todas as medalhas e troféus que conquistou, ela sonha com uma vida diferente, onde possa ser livre. 

Até que um dia, um acidente faz com que tudo mude... Ela conhece um rapaz que a vai marcar profundamente, mas para conquistá-lo, Arielle terá de abdicar da sua própria voz. 
Será que vai conseguir conquistar o seu príncipe sem dizer uma única palavra?

Resultado de imagem34833085

A Sair do Forno "Ao fechar a porta" de B.A. Parris



Este livro tem feito um sucesso tremendo lá fora e a previsão de lançamento cá é em Julho

Quem não conhece um casal como Jack e Grace? Ele é atraente e rico. Ela é encantadora e elegante. Ele é um hábil advogado que nunca perdeu um caso. Ela orienta de forma esmerada a casa onde vivem, e é muito dedicada à irmã com deficiência. Jack e Grace têm tudo para serem um casal feliz. Por mais que alguém resista, é impossível não se sentir atraído por eles. a paz e o conforto que a sua casa proporciona e os jantares requintados que oferecem encantam os amigos. Mas não é fácil estabelecer uma relação próxima com Grace... Ela e Jack são inseparáveis.

Para uns, o amor entre eles é verdadeiro. Outros estranham Grace. Por que razão não atende o telefone e não sai à rua sozinha? Como pode ser tão magra, sendo tão talentosa na cozinha? Por que motivo as janelas dos quartos têm grades? Será aquele um casamento perfeito, ou tudo não passará de uma perfeita mentira?

Um thriller brilhante e perturbador, profundamente arrebatador, que se tornou num autêntico fenómeno literário internacional com publicação em mais de 35 países. A não perder.

Quem ficou curioso? :D 
Sai dia 5!

Origem: "A Princesa Adormecida" de Paula Pimenta




Gostam mais das louras do que das ruivas, mas subtilmente.

Foto de Paula Pimenta.Buffy Cooper AUBURN HAIRED WOMAN LYING ON GRASS Women

20 de junho de 2017

Opinião Young Adult: "A Química dos nossos corações" de Krystal Sutherland




Este livro já me tinha chamado a atenção e portanto não resisti à sua leitura, até porque como era o primeiro livro de uma autora nova mas não muito conhecida, queria entender a aposta da Porto Editora neste livro.

O livro começa logo por ser diferente dos típicos young-adults por ser contado pelo ponto de vista do rapaz e não da rapariga, como é habitual. Aqui temos Henry Page, um jovem normal, com uns pais hippies e uma melhor amiga lésbica, e com poucas experiências amorosas na sua curta vida e todas elas traumatizantes. Até ao dia em que chega Grace Town. Ela é esquisita, veste-se com roupas masculinas e usa uma bengala como apoio e não parece ser muito sociável e Henry apaixona-se por ela, embora não tenham nada em comum.
35227574
Ao princípio estava a adorar este livro, gostei muito do Henry e a da Grace por todo o mistério que vinha à volta dela e por ser diferente. À medida que o livro vai avançando e com o Henry a nutrir sentimentos mais fortes pela Grace, o leitor também vai querendo descobrir um pouco sobre esta personagem tão enigmática e foi aqui que o livro começou a ser um bocadinho chato. 
Começamos a entender a Grace e saber porque ela é assim (que eu não vou contar porque é spoiler) mas a personagem começou a ficar irritante demais para mim. Eu tenho um sério problema com aquele tipo de pessoas que desvaloriza os problemas dos outros, que os problemas delas é que são sempre os piores mesmo que seja o contrário mas fazem questão de mostrar isso e eu não posso com esse tipo de pessoas porque acredito que todos temos problemas e só nos cabe a nós saber a dimensão do problema mesmo que o meu seja muito insignificante para a outra pessoa. A Grace é então aquele tipo de pessoa que consegue irritar-me. Sabemos que está a passar uma fase má mas acaba por chamar a atenção (neste caso pelo seu aspecto desleixado e diferente) mas depois não quer que ninguém se aproxime e quando alguém tenta ajudar, ninguém compreende e os problemas dela são piores que os típicos problemas dos adolescentes (leia-se das outras personagens secundárias). Lá no fim a Grace redimiu-se e comecei a simpatizar um bocadinho mais com ela.
Pelo contrário, adorei o Henry do princípio até ao fim! 

Tive pena do Henry que tem que levar com isto tudo e foi por isso que gostei do rumo que o livro tomou e do final. Por muito que se ame, há amores que não dão certo por muito que se ame.
Convém dizer que o livro tem inúmeras partes de comédia, eu fartei-me de rir com os pais do Henry e com a melhor amiga dele a Lola. Estes momentos também deram um melhor equilíbrio à narrativa o que me agradou imenso, não ser só focada no Henry e na Grace.

É um young-adult diferente, fala sobre luto, sobre dor, perda, mágoa...mas também fala sobre a primeira paixão e como não é necessário arriscar tudo quando não vale a pena.

Fiquei agradada com esta estreia e adorei todas as referências a Harry Potter, aconselho pela diferença neste tipo de livros.


Henry Page não esperava apaixonar-se. Considera-se um romântico, mas nunca viveu aquele momento em que o tempo para, a barriga se enche de borboletas e a música começa a tocar, sabe-se lá onde. Pelo menos, até ao momento. Então, conhece Grace Town, a esquiva nova colega de escola, que se veste com roupa de rapaz demasiado grande, apoia-se numa bengala, parece tomar banho poucas vezes e esconde segredos desconcertantes.
Não é bem a rapariga de sonho que Henry esperava, mas quando os dois são escolhidos para coordenar o jornal da escola, a química acontece. Depois de tantos anos a salvo do amor, Henry está prestes a descobrir como a vida pode seguir um caminho tortuoso e como, por vezes, os desvios são a parte mais interessante desse mesmo caminho. Uma estreia brilhante que equilibra humor e corações partidos, lembrando-nos de como o primeiro amor pode ser agridoce. 


 

A Sair do Forno: "Antes de ires" de Clare Swatman




Esta história começa com um fim. Mas este fim é apenas o princípio.
Um romance para todos aqueles que acreditam no poder do amor, e que acreditam que nunca é tarde de mais para mudar as coisas.
Um romance muito emocional, envolvente e profundo para todos os públicos.
Um livro que explora os sentimentos, os sentimentos de culpa e os remorsos.
Uma abordagem diferente sobre o luto e o amor.

Interessante...sai dia 5 de Julho! 

A Sair do Forno: "99 Dias" de Katie Cotugno





Mais um YA para o Verão 😍


Autora bestseller do New York Times.
Molly Barlow cometeu um terrível erro, e o nome desse erro é Gabe. Conseguirá Molly ser perdoada e recuperar tudo o que perdeu? Serão 99 dias suficientes para corrigir todos os erros e recuperar a sua vida?
Young adult, romance contemporâneo ideal para o verão, com adaptação para série televisiva da MTV.

Sai em Julho!!

Doce do Momento: "George" de Alex Gino

25615902


Comecei este livro ontem mas duvido que não o termine hoje, é minusculo, mas também é um livro infantil.

Fala sobre George um menino de 10 anos que sabe que ele não é um rapaz mas sim uma rapariga e fará de tudo para representar uma personagem feminina na peça de teatro na escola. 

Até agora estou a gostar muito e é baseado na experiência pessoal da autora.

"When people look at George, they think they see a boy. But she knows she's not a boy. She knows she's a girl.
George thinks she'll have to keep this a secret forever. Then her (4th grade) teacher announces their class play is going to be "Charlotte's Web." George really, really, REALLY wants to play Charlotte. But the teacher says she can't even try out for the part ...because she's a boy.
With the help of her best friend, Kelly, George comes up with a plan. Not just so she can be Charlotte - but so everyone can know who she is, once and for all."

17 de junho de 2017

Primeiras Impressões: "Vidas Esquecidas" de Diane Chamberlaine




Estava eu muito bem numa Cashconverter desta vida a olhar para os livros que tinham lá e a não ver nada de jeito quando este menino saltou ao meu olhar. Reconhecia o nome da autora e pensei porque não comprar para experimentar a autora. Além disso não é todos os dias que se vê livros da Topseller a 5,95€ e o livro saiu no ano passado, também não é assim tão antigo. 

Lá o comprei, adoro a capa, o título e a sinopse.

Cheguei a casa e descubro que afinal já tinha um livro desta autora 😅 que me deve ter  sido oferecido porque não comprei-o de certeza!

Ora pois agora tenho 2 livros desta autora por ler!!

A Entrar no Forno: "The Rogue" and "The Earl" de Katherine Ashe


Resultado de imagem para The Rogue" and "The Earl" de Katharine AsheResultado de imagem para The Rogue" and "The Earl" de Katharine Ashe


Hoje revelamos mais um lançamento que a Topseller revelou em Abril na visita à editora no dia Mundial do Livro.

Como sabem a Topseller tem conseguido lançar autoras de época muito boas como Sarah Maclean, Jennifer Ashley, Lorraine Heath e Tessa Dare.

E vem por ai mais uma aposta! Desta vez da autora Katherine Ashe!

A autora vai ser lançada cá em Portugal ainda este ano mas ainda não temos previsão mensal.

Estes são os dois títulos que para já estão assegurados, o 1º e 2º volumes de uma série.



Vem por aí mais duques, condes e tudo aquilo que gostamos!
Gostaram da notícia? 😃

Primeiras Impressões: "Compras da FLL e considerações gerais"



Resultado de imagem para feira do livro lisboa 2017


Neste caso é mais um "Últimas impressões" visto que a feira está a acabar e hoje visitei este evento pela última vez.

Este ano a feira foi diferente, não teve a companhia aqui da Ne, que me deixou triste mas já combinamos ir juntas à do Porto, mesmo não sendo a mesma coisa, o que interessa é estarmos juntas no meio de livros. 😃

Visitas:
Este ano foi 5 vezes à feira, 4 delas em visita normal e uma na Hora H.
Fui logo no 1º dia e digo-vos que se quiserem ter os melhores preços nos alfarrabistas, ir cedo logo no dia 1 é fundamental. Vi lá livros a preços muito porreiros e livros recentes ou seja com menos de 18 meses, inclusive comprei um livro que saiu em Março deste ano. Havia mesmo muitos livros bons, o problema era eu já ter lido/ter para ler e portanto só comprei 2 mas já lá vamos. 
Claro que depois as "novidades" vão desaparecendo dos alfarrabistas e nos últimos dias já está tudo muito escolhido mas ainda dá para encontrar alguma coisa.

Resultado de imagem para feira do livro hora h

Fui a uma Hora H e parecia o fim do mundo em cuecas, principalmente na LEYA com pessoas com cestos de compras cheios de livros. Sinceramente, fico feliz e ao mesmo tempo preocupada pois nota-se mesmo que as pessoas compram pouco durante o ano para depois abastecerem-se na Hora H, ao menos durante uma hora as editoras faturam milhares de euros, isto para quem adere claro, que não é o caso de todas as editoras. Há quem não adira, como por exemplo a Topseller que me deixa triste mas espero que para o ano já comecem a pensar nisso. Depois há as que aderem como bem querem, por exemplo a Porto Editora/SDE e Planeta que escolhem os livros que entram, mesmo que alguns deles tenham saído há 5 anos. 🙄
As únicas que vi a cumprir a Hora H como deve ser (ou seja todos os livros com mais de 18 meses até 50%) foi a Leya, o grupo da Presença e a Clube do Autor. Isto claro foram das poucas que eu passei quando estive lá na Hora H, não consegui passar por todos os stands para ver quais eram as normas.

Eventos e Compras:
Logo no 1º dia fui à Marcador para comprar e assinar um livro da Célia Correia Loureiro para uma amiga. A Célia é uma simpatia mas não fiquei muito tempo porque já tinha estado na feira de manhã e estava cansada.

Foto de Algodão Doce para o Cérebro.


Fui à sessão de autógrafos da Paula Hawkins, muito simpática e atenciosa, gostei, apesar do calor desse dia. Mesmo assim há que dizer que a Topseller distribuiu garrafas de água a quem estava na fila ao sol o que é uma atitude de louvar, pois eu tive 1 hora à espera quase sempre debaixo de 30 graus.
Depois fora de eventos da feira tive com os habituais bloggers e livrólicos destas andanças, É tão bom ver e rever caras amantes de livros, ao menos ali sabemos que todos adoramos este mundo das letras. 


Por fim fui à apresentação da trilogia da Sandra Carvalho e deixei-me dizer que se eu não tivesse mais de 100 livros que quero ler muito muito muito, apostava nesta trilogia pois adorei como a autora falou dos seus livros. Gostei muito desta apresentação e de ver a quantidade de fãs no evento.

Foto de Algodão Doce para o Cérebro.

Compras:


As compras foram muito poucas. Continuo a achar que 2/3€ de diferença não é o suficiente para eu comprar um livro quando depois encontro mais barato em 2ª mão. Estes dois comprei porque a diferença era mais de 50% do valor original e portanto valia a pena. 

De resto como já calculava gastei mais dinheiro a comer e a petiscar lá do que nos livros. A FLL para mim acabou mas continua até Domingo e portanto passem ainda por lá.
Até 2018!


P.S. Nem sabem o que me custou passar pelo Algodão Doce e não comê-lo com a Ne 😪

16 de junho de 2017

Encontra as Diferenças: "Autumn Storm" e "A Vampire's Dominion"



Adoro a primeira capa!
Aqui sempre encontramos algumas diferenças.


A Sair do Forno: "Magnus Chase e os Deuses de Asgard - O Martelo de Thor" de Rick Riordan




2.º título da nova Série Magnus Chase, viciante e cheia de suspense.
Numa série com personagens como Annabeth Chase, prima de Magnus, e deuses como Thor e Loki, Rick Riodan oferece-nos uma aventura surpreendente, cheia de acção e suspense, que combina a vida moderna dos jovens de hoje com a mitologia e história.


Sai dia 21!
Foto de The Girl Who Reads Books.

15 de junho de 2017

Primeiras Impressões: "Rendida ao Amor" de Jill Shalvis




Este livro saiu em Março mas encontrei-o num alfarrabista na Feira do Livro a um preço bem porreiro.

Não gosto muito desta capa mas dos 3 desta série é a que mais gosto. É o 3º de uma série que pode-se ler independentemente mas como gosto de ler por ordem, vou ter de ler os anteriores antes de pegar neste. 

Não tenho nenhum dos outros mas já tratei de os arranjar. 
Em Julho espero já pegar nesta trilogia de modo a que este não vai ficar muito tempo parado na estante.



A Sair do Forno: "A Amiga" de Dorothy Koomson



Óptimas notícias para os fãs da nossa Dorothy Koomson. O seu último romance sai já já em Julho pela editora do costume: Porto Editora!
Sai dia 6 de Julho!!

 Quando o marido é promovido, Cece Solarin muda-se para Brighton com os três filhos, animada com a possibilidade de um recomeço. No entanto, o ambiente do bairro que a acolhe parece-lhe ansioso e os vizinhos sobressaltados. 
Cece descobre que, três semanas antes, Yvonne, uma das mães mais populares da zona, foi deixada às portas da morte, no pátio da escola dos filhos – a mesma onde se vê obrigada a inscrever os seus. 
No primeiro dia de aulas, Cece conhece três mães muito diferentes que parecem querer ajudá-la neste novo começo. Mas Maxie, Anaya e Hazel são também amigas de Yvonne, e a polícia desconfia que uma delas poderá estar envolvida no crime. 
Preocupada com a segurança dos filhos, Cece está decidida a descobrir a verdade…

Origem: "Someone to Hold" de Mary Balogh



Não gostaram muito da paisagem pelos vistos.

Resultado de imagem para Lee Avison/Trevillion Images

14 de junho de 2017

Doce do Momento: "Uma proposta indecorosa" de Jennifer Haymore




Vamos lá acabar mais uma trilogia!

O 1º desta trilogia - Uma duquesa em fuga -  foi lido há mais de 3 anos, ups...

Quem já leu desse lado aí?

Primeiras Impressões: "A culpa é minha" de Louise O'Neill





Já queria ler este livro há imenso tempo pelo tema que fala: violação e portanto aproveitei a promoção da Wook e comprei-o com 20% de desconto. Ficou-me pelos 12€ e picos.

Gosto da capa, bem melhor que as originais que são estranhas. É um livro pequeno mas parece-me que a sua leitura não vai ser muito fácil.

A culpa é minha é uma história poderosa sobre os efeitos devastadores do abuso sexual e da humilhação.
Contada na voz da protagonista, somos arrastados para o centro da ação e obrigados a vivê-la intensamente com a jovem Emma.
A melhor escritora para jovens adultos da atualidade.

12 de junho de 2017

A Sair do Forno: "Reencontro com o amor" de Melissa Pimentel




Ruby e Ethan eram perfeitos um para o outro…
Dez anos depois de se separar de Ethan, Ruby continua solteira e obcecada com a sua carreira e a vida agitada de Manhattan. Mas com a data do casamento da sua irmã a aproximar-se, Ruby terá de prescindir de uns dias da sua vida ocupada para viajar até Inglaterra.
Contudo, ausentar-se do emprego e dispor de uns dias para uma viagem não é o único problema de Ruby — Piper vai casar-se com o melhor amigo de Ethan, pelo que também este estará presente no evento.
À medida que o grande dia se aproxima, e enquanto ajuda nos preparativos para o casamento, Ruby terá de perceber se a escolha que fez no passado foi a correta. Passada uma década, poderão Ruby e Ethan retomar a sua história de amor?
Uma história apaixonante e muito divertida sobre o amor e o reencontro, que prova que existe sempre uma segunda oportunidade para ser feliz.
A encontrar dia 26!

A Sair do Forno: "Uma mãe como tu" de Sally Hepworth



Quando Alice descobre que está gravemente doente, a saúde é o menor dos seus problemas. Zoe. O que será da sua filha Zoe?
Alice e Zoe sempre viveram uma para a outra. Sem ninguém em quem se apoiar, Alice dedicou a sua vida à filha. Mas de um momento para o outro, a realidade desta família altera-se: Alice adoece e o prognóstico revela o pior cenário. Mais do que nunca, ela precisa de encontrar uma solução para o futuro de Zoe.
É então que duas completas desconhecidas trazem alguma esperança a Alice: Kate, a enfermeira oncologista, e Sonja, a assistente social que lhe fora atribuída durante os tratamentos. À medida que as quatro mulheres se vão conhecendo, acabam por lidar com problemas que há muito as atormentam. Juntas, encetam uma jornada de descoberta, que lhes permitirá enfrentar os seus medos e assumir os seus segredos mais profundos.
Uma Mãe como Tu é um romance inesquecível. A comoção e o humor da escrita de Sally Hepworth irão despertar os mais belos sorrisos, mesmo nos momentos mais sombrios.

Sai dia 26!

A Sair do Forno: "O Diagrama de Zenn" de Wendy Bratt



«Quanto mais toco, mais consigo ver e entender, e mais penso que posso ajudar. Mas é esse o meu erro. Não posso ajudar ninguém. Não se consegue “resolver” os problemas das pessoas como se resolvem os de matemática.»
Eva é uma supergeek da matemática e há uma razão para ela preferir os números e as calculadoras ao convívio normal entre jovens. Poucos o sabem, mas basta que Eva toque com as mãos em alguém — ou nas suas coisas — para ter visões que lhe mostram as inseguranças, receios e segredos dessa pessoa. Por isso, ela prefere manter as mãos bem guardadas e ficar na sombra. E tudo parece correr bem!
Quer dizer, tem 17 anos, nunca teve namorado e tem apenas uma amiga, mas não é uma completa aberração! Até que chega o dia em que o charmoso e solitário Zenn Bennett entra na sua vida! É amor ao primeiro toque! No entanto, quando ela mergulha no mundo de Zenn, descobre que afinal as coincidências que os unem são demasiado duras… e poderão separá-los para sempre.
Um romance fresco e inocente, em que os personagens Zenn e Eva nos deixam rendidos à ironia dos seus destinos.

Sai dia 26!

A Sair do Forno: "The Call" de Peadar O"Guilin




Três minutos
Uma trombeta soa à distância. Foste Chamado. Agora, à tua volta, só vês cinzento. Este novo mundo não tem cor e sabes que vais começar uma corrida contra o tempo. Tens apenas três minutos para te agarrares à vida.
Dois minutos
Os Sídhe estão cada vez mais perto. Consegues ouvir as vozes deles, as gargalhadas sedentas de sangue e o som dos seus passos. Achas que estás preparado. Sabes tudo sobre eles. Sabes exatamente o que fazem aos jovens como tu, quando os conseguem apanhar. São tão belos como terríveis, tão simpáticos como cruéis. Já te viram. Resta-te fugir.
Um minuto
Se não correres, se não te esconderes, podes desaparecer a qualquer minuto e ficar, para sempre, nesta terra de horrores. A caçada já começou e tu és a presa. Conseguirás sobreviver?
«The Call é uma história de sobrevivência que sobressai entre todas as que existem. É uma lufada de ar fresco, fantástica e poderosa.» — The Bookbag

Sai dia 26! 

A Sair do Forno: "O olhar da mente" de Hakan Nesser





Por vezes, a verdade está mesmo à nossa frente.Só a justiça é cega.
Uma manhã, o conceituado professor Janek Mitter acorda completamente desorientado no seu apartamento. Com a cabeça a latejar, sem se lembrar de nada da noite anterior, vagueia pela casa até encontrar a mulher, Eva Ringmar, morta na banheira. Apesar de Mitter ter chamado logo a polícia, é considerado o principal suspeito do crime.
Quando o experiente inspetor Van Veeteren é chamado para investigar o caso, duvida imediatamente da simplicidade do mesmo, mas Mitter acaba por ser julgado pelo homicídio da sua companheira e é condenado a cumprir pena num hospital psiquiátrico.
Quando, pouco tempo depois, o professor aparece assassinado no hospício, Van Veeteren reabre o caso e avança com uma investigação às duas mortes. Partindo de uma carta enviada por Mitter pouco tempo antes da sua morte, o inspetor entra numa aterradora viagem a um passado terrivelmente sombrio.

Primeiro livro de uma série de 10!
Sai dia 26 de Junho!